PREPARANDO UM MINIWEDDING: GABI E ROY

Olá queridos!!

Queria fechar o ano mostrando para vocês um dos trabalhos que eu curti demais fazer, um dos meus preferidos em 2015. Fotografei famílias lindas, bebês fofíssimos, festas animadas, gestantes deslumbrantes, batizados emocionantes. E fotografei também casamentos. Pequenos e emocionantes casamentos. 

Recebi um telefonema de uma noiva procurando uma fotógrafa para registrar seu casamento que aconteceria em breve. Ela começou a me contar um pouco como seria a festa, a história do casal… me contou que a família e amigos estavam super envolvidos com os preparativos, que seria um miniwedding bem no estilo ‘faça você mesmo’. Os amigos iriam fazer os bolos, os noivos e familiares iriam decorar. Eu já estava completamente encantada com o projeto… aí ela me falou que a cerimônia seria de tarde… na Igrejinha. Pronto, naquele momento eu sabia: esse trabalho era pra mim! Eu sempre digo que cada casal de noivos tem o fotógrafo ideal para ele. E naquele dia lembro de ter dito isso para a Gabi: que eu esperava que eles chegassem à conclusão de que eu era a fotógrafa certa para eles! 

Depois de uma reunião café da manhã divertidíssimo onde nos conhecemos pessoalmente, foi com muita alegria que fechamos nosso contrato. Eu realmente queria fazer aquelas fotos, acreditei desde o princípio que seria algo especial. E foi. Muito.

Perguntei se eles queriam fazer aquele ensaio prévio do casal… eles não curtem muito a ideia de ser fotografados. Aliás, eu prometi que não iria pedir para posarem pra mim (tá menti um tantinho, mas juro que foram pouquíssimas vezes e que fiz cada uma valer a pena). Propus então que o ensaio fosse feito nos dias antes da festa, durante os preparativos da casa (maravilhosa) onde seria a comemoração. Eles toparam minha ideia maluca e, dois dias antes do casório, testemunhei um casal, cercado de amigos e de familiares, construindo pecinha por pecinha o cenário que testemunharia a comemoração da união dos dois. 

Em meio a fios e farinha, grampeadores e cola, fitas e abraços, a casa foi tomando forma de festa e a festa nos olhos e coração daquela mini família foi tomando forma de realização.

Foi fantástico. Foi especial. Foi inesquecível. 

O casamento deles foi algo indescritível de lindo, mas não quero contar agora. Hoje é dia de preparativo, dia de deixar a casa pronta e o coração aberto para a festa que há de acontecer.

Gabi e Roy: OBRIGADA! Jamais vou esquecer vocês e jamais vou esquecer que fiz parte da construção daquela festa linda. Que a união que demonstraram naquele dia seja a tônica do casamento de vocês e que alcancem sempre seus sonhos, ainda que na pontinha dos pés, no estilo AMAR É :)

Beijo, Dani