NATHÁLIA - Festa 15 anos

Hoje o post é em clima de sabadão!!

Nathália comemorou seus 15 anos de maneira simplesmente esplendorosa! A festa foi magnífica: família linda, decoração linda, lugar lindo, convidados lindos e a aniversariante... bom, a aniversariante foi um capítulo à parte dessa história. Linda é pouco. Ela estava deslumbrante, com sua meiguice e delicadeza. Uma princesa de verdade. 

Sou suspeita pra falar, sou fã da Nath. Nosso ensaio pré festa foi tão agradável que lembro até hoje com muito carinho. E as fotos ficaram demais, veja aqui ó.

E quando eu não achava que a festa poderia ficar melhor, entra a bateria da escola de Samba da ARUC, com toda aquela vibração e uma história emocionante. O avô da Nath foi músico do exército e ajudou a fundar a ARUC. Ele não pode ir à festa por uma condição de saúde. A família toda tem uma raiz profunda com o samba, o que explica o samba no pé de todos eles. TODOS!!!  E a homenagem que foi prestada lá ao patriarca me faz chorar sempre que me lembro (agora inclusive), foi emocionante demais.

Zé e Milena, obrigada. Pela confiança, por me permitirem estar com vocês naquele momento absolutamente fantástico, pelas lindas fotos e, especialmente, por aquela emoção ao ritmo de samba que certamente guardarei em meu coração e em minha memória para sempre. Hoje vocês fazem parte da minha história. 

Nath, linda! Minhas palavras pra ti são cercadas de carinho. Que tua doçura te acompanhe para sempre, que tua simpatia seja tua guia e que teus caminhos sejam sempre abertos pelo teu sorriso. Eu ADOREI te conhecer.

Um obrigada especial à minha equipe no dia, Ana Valença e Maíra Ribeiro. Vocês arrebentaram meninas!

Chega de papo. Agora a minha homenagem a essa família, em forma de foto e samba

E quando eu não puder pisar mais na avenida
Quando as minhas pernas não puderem aguentar
Levar meu corpo, junto com meu samba
O meu anel de bamba, entrego a quem mereça usar

Eu Vou ficar
No meio do povo, espiando
Minha escola perdendo ou ganhando
Mais um carnaval
Antes de me despedir
Deixo ao sambista mais novo
O meu pedido final

Não deixa o samba morrer
Não deixa o samba acabar
O morro foi feito de samba
De samba para gente sambar